CGE RJ faz reunião com especialista em Análise de Dados da UFF para a troca de experiências

A Controladoria Geral do Estado do Rio de Janeiro (CGE RJ) recebeu, nesta quinta-feira (18/7), o especialista em Análise de Dados da Universidade Federal Fluminense (UFF), Rafael Braem Velasco, para um intercâmbio sobre o cruzamento de informações no trabalho de auditoria. A técnica já vem sendo utilizada pela CGE RJ no projeto Trilhas de Auditoria, que compara as bases de dados de diversas esferas de governo (municipal, estadual e federal) para identificar casos de desperdício de dinheiro público.

Na reunião, o pesquisador Rafael Velasco apresentou uma ferramenta que detecta, de maneira informatizada, situações com riscos de fraudes e mau uso de verbas. A tecnologia tem como objetivo facilitar o processo de auditoria e permitir a análise de grandes volumes de dados em um tempo cada vez menor.

– Acredito que o sistema possa ajudar a CGE RJ no monitoramento do gasto público ao ampliar a capacidade de análise das informações governamentais – explicou Rafael, que elaborou o projeto em parceria com o professor Celso Ribeiro, também da UFF.

Intercâmbio

O evento, realizado pela Superintendência da Qualidade de Gasto Público da CGE RJ, área responsável por executar auditorias em contratos e analisar folhas de pessoal e de custeio do Estado através do cruzamento de dados, contou com a participação de servidores de  diversas áreas da CGE RJ, como Inteligência e Ouvidoria e Transparência. Também estiveram presentes representantes da secretaria de Estado da Casa Civil e Governança.

– Intercâmbios como esse são importantes porque, quanto maior for o acompanhamento dos processos de compras e licitações, maior será a nossa possibilidade de gerar economia para o Estado – disse o subsecretário de Logística da Casa Civil e Governança, José Carlos Silva Gioseffi.

Responsável pela Superintendência de Qualidade do Gasto Público, Luiz Calixto destacou que a CGE RJ vai analisar a possibilidade de realizar uma parceria com a UFF para utilizar o sistema apresentado na reunião.

– Trocas de informações como a de hoje abrem um leque de  oportunidades para o fortalecimento do trabalho que está sendo realizado na Superintendência – falou Calixto.